Notícias

Daemo Ambiental reúne moradores para explicar perfuração do poço profundo - DAEMO Ambiental - Olimpia-SP

Daemo Ambiental reúne moradores para explicar perfuração do poço profundo

Na última semana, a Daemo Ambiental realizou uma reunião com moradores do bairro Jardim Toledo para explicar sobre a perfuração do poço profundo, que ficará dentro da sede da autarquia. O encontro contou com a presença do superintendente da Daemo, Guto Gianotto, colaboradores da autarquia e convidados.

No início da reunião, o superintendente explicou sobre a obra e a importância da presença dos moradores. “Faremos essa obra para beneficiar todos os moradores de Olímpia. Sabemos os transtornos que ela pode trazer, mas será importante para o abastecimento do município. Por isso convidamos os moradores para que eles entendam a necessidade dessa importante obra”, disse.

Em seguida, a assessora da divisão de Meio Ambiente, Ana Lúcia Lopes Volfe, explicou sobre a água e o solo, o Aquífero Guarani e sobre a perfuração do poço profundo. Além disso, foi apresentado aos moradores o estudo realizado pelos Fiscais Ambientais da Daemo sobre o impacto sonoro da obra e o barulho real das máquinas durante a perfuração. 

A perfuração do poço profundo terá investimento de mais de R$ 3 milhões. “Essa obra é um pedido do prefeito Fernando Cunha para que, em 2019, tenhamos o triplo de reservação e possamos resolver o problema de falta d’água. Sem obras não conseguimos fazer nada. A Daemo está trabalhando para melhorar o abastecimento de água do município”, concluiu Guto Gianotto. 

Para o morador Armando Schiavon a reunião é importante para esclarecer as dúvidas. “Esse encontro é interessante para explicar sobre a obra. Alguém precisa se sacrificar para a obra acontecer, se não fossemos nós, seria em outro bairro. E essa é uma obra importante para Olímpia, pois vai beneficiar toda a cidade”, disse o morador.

A obra de perfuração do poço profundo está prevista para ter início em meados de janeiro de 2018 e será de forma contínua, com cronograma de 90 até 120 dias, nos períodos diurno e noturno, intermitente, até a sua conclusão. O novo poço terá profundidade prevista de aproximadamente 1.100 metros e vazão estimada em 350 metros cúbicos de água por hora. Com esse novo poço, a cidade ampliará em mais de 100% a captação de água para fornecimento à população e, com isso, diminui-se o risco de falta d’água.

Os moradores que não puderam comparecer ao encontro, poderão participar de uma nova reunião que será realizada pela Daemo Ambiental no dia 9 de janeiro de 2018, às 19h, na sede da autarquia. 

Economize Água! Ela pode acabar!

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites