Notícias

Prefeito consegue autorização de Ministro para melhorias no abastecimento - DAEMO Ambiental - Olimpia-SP

Prefeito consegue autorização de Ministro para melhorias no abastecimento

Em audiência em Brasília, na última terça-feira (16), o prefeito Fernando Cunha conseguiu autorização oficial do Governo Federal para dar andamento nas ações que envolvem as obras da Estação de Tratamento de Água da Estância Turística de Olímpia, que melhorará a qualidade da água e a garantirá o abastecimento de toda a população.

O prefeito esteve com o Ministro das Cidades, Alexandre Baldy, solicitando prorrogação da vigência do contrato da ETA (Estação de Tratamento de Água), que demandou maior prazo devido à morosidade do processo para conseguir autorização da mudança de concepção do projeto de captação de água.

Em resposta, documentada por ofício, o Ministro autorizou a Caixa Econômica Federal a prorrogar até 31 de dezembro de 2018 o contrato da ETA (Estação de Tratamento de Água), que estava parado no Ministério, garantindo o recurso ao município. Além disso, colocou a Secretaria Nacional de Saneamento à disposição da Prefeitura para esclarecer dúvidas e auxiliar no que for preciso.

Na oportunidade, o prefeito apresentou a nova concepção do sistema de abastecimento de água que prevê a perfuração de um poço profundo em substituição ao antigo projeto de captação de água superficial através do Rio Cachoeirinha, cujo tratamento da água seria mais trabalhoso, além da cota de inundação ser bastante instável, principalmente no período da seca. “Nosso município está localizado sobre um dos maiores aquíferos do planeta, atualmente explorado unicamente para recreação, portanto ele oferece condições seguras para captação e abastecimento da população com água mineral sem qualquer tipo de contaminação. Com a nova concepção por meio de Poço Profundo captando água do Aquífero Guarani, daremos um importante salto para resolver o problema de falta de água na cidade”, afirmou o prefeito.

Os custos para a implantação de todo o sistema será de aproximadamente R$ 15 milhões do Governo Federal, com uma contrapartida de quase R$ 1 milhão do município. O projeto também contempla a conclusão das obras da ETA da cidade e a ampliação do Sistema de Abastecimento de Água. Será feita uma nova rede de distribuição que se inicia atrás da APAE (CECAP) e vai até as COHAB I e II, abastecendo todos os reservatórios e substituindo os poços existentes. Outra linha segue pela Avenida Mário Vieira Marcondes e conecta com as águas do centro até a Rua São João.

A audiência com o Ministro também teve a participação do ex-deputado federal e investidor de Olímpia, Sandro Mabel. Antes da visita ao Ministério, o prefeito se reuniu com o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, para expor a situação e fazer gestão do pedido junto ao Ministério das Cidades.

Agora, com mais este passo concretizado, a Prefeitura, que já protocolou o novo projeto, aguarda a análise do Governo Federal para abertura da licitação e início das obras.

Economize Água! Ela pode acabar!

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites