Ir para o conteúdo

DAEMO e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
DAEMO
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
20
20 JUN 2022
Daemo inicia obras de recuperação estrutural do antigo poço da Petrobrás
enviar para um amigo
receba notícias
Com o objetivo de ampliar a produção de água e aumentar a garantia operacional dos sistemas de abastecimento da Estância Turística de Olímpia, a Daemo iniciou nos últimos dias, a primeira etapa das obras de recuperação estrutural do antigo poço da Petrobrás, perfurado por volta dos anos 60.

O poço vinha sendo operado pelo parque Thermas dos Laranjais, desde a sua fundação, mas com a perfuração de novos poços pelo empreendimento, houve um entendimento para que o município passasse a administrá-lo para fins de abastecimento. A outorga da concessão foi autorizada pelo DAEE – Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado de São Paulo e publicada no Diário Oficial do Estado, em julho de 2019. A conquista contou com o empenho do prefeito Fernando Cunha e o apoio do deputado federal olimpiense, Geninho Zuliani.

Com a outorga a favor do município e considerando as técnicas de perfuração e os métodos construtivos utilizados na época em que o poço foi construído, a Daemo realizou um amplo estudo de viabilidade a fim de avaliar as condições estruturais do poço, as intervenções necessárias e os custos para sua recuperação estrutural, comparando estes com os valores para a perfuração de um novo poço similar, o que comprovou a viabilidade da recuperação do poço existente, trazendo economia aos cofres públicos.

Nesta primeira etapa, com investimento inicial de mais de R$ 2,8 milhões, será realizada a recuperação do poço, por meio de técnicas de engenharia, com reabertura estrutural, aprofundamento, instalação de novos filtros e revestimentos, bem como a limpeza geral do poço e realização de testes de vazão específica e rebaixamento. A empresa vencedora do processo licitatório e responsável pela obra é a Engeper Engenharia e Perfurações Ltda.

Já a segunda etapa da obra consistirá no dimensionamento dos equipamentos e instalações elétricas, bem como a construção de uma adutora que levará a água até a Estação de Tratamento de Água 2, no Jardim Luiza, com previsão de mais de 4 quilômetros de extensão. Um novo processo licitatório será aberto para finalizar a obra.

Este será o terceiro poço profundo operado pela atual gestão, que intensificará ainda mais a vazão, com captação diretamente do Aquífero Guarani, que é fonte de água potável própria para consumo.

“Este novo poço virá para garantir ainda mais o abastecimento de água a todos os moradores de Olímpia, considerando o crescimento da cidade e inclusive as gerações futuras. Com mais este poço profundo teremos a capacidade de gerar mais de 13 milhões de litros de água por dia, vindos diretamente do Aquífero Guarani, com mais qualidade e sem riscos de contaminação”, declarou o prefeito Fernando Cunha.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia